OS IDOSOS E A NUTRIÇÃO

dicas-saudaveis_03

Quando se chega à terceira idade, o processo de envelhecimento dos órgãos acelera bastante, e a capacidade de resposta do corpo já não é a mesma. Por isso é que existem determinadas vitaminas e minerais que são importantes para que uma pessoa mais idosa possa voltar a ter a vitalidade que dantes tinha. A falta de algumas vitaminas e minerais específicos pode levar a depressão, problemas de memória, osteoporose ou piorar casos de anemia.
As vitaminas e os minerais fulcrais para o idoso podem nem sempre ser adquiridos através de alimentos, apesar de essa ser a forma ideal. A par da alimentação, existem produtos relevantes que complementam e garantem os níveis desses nutrientes.

Para um idoso é importante ter em atenção o consumo de vitamina C, que aumenta a absorção de ferro e contribui para a normal formação de colagénio para funcionamento normal dos vasos sanguíneos. As frutas cítricas são a maior fonte desta vitamina, tais como o limão, a laranja, morangos ou o kiwi.

As vitaminas do complexo B, nomeadamente a tiamina, riboflavina e niacina contribuem para o normal metabolismo produtor de energia e para o normal funcionamento do sistema nervoso. As vitaminas B6 e B12 contribuem para uma normal função psicológica. Estas vitaminas estão presente nos ovos, no amendoim, na carne e no peixe, nas bananas e também nas lentilhas. Ainda falando nas vitaminas, a vitamina D obtém-se através da exposição moderada ao sol, ou com a ingestão de sardinha, leite e derivados. A vitamina E tem excelentes propriedades, contribuindo para a proteção das células contra as oxidações indesejáveis, sendo que o milho, o abacate, o tomate e a cenoura são os mais ricos.

Em termos de minerais essenciais à proteção do idoso, não podemos deixar de mencionar o cálcio, que é necessário para a manutenção de ossos normais e contribui para a manutenção de dentes normais. O cálcio, que contribui também para o normal funcionamento muscular e para uma neurotransmissão normal,  pode encontrar-se no leite e nos seus derivados. O potássio contribui para a manutenção de uma pressão arterial normal e tem presença nos espinafres, na banana e na laranja. Não se esqueça ainda do zinco, um mineral que ajuda no normal funcionamento do sistema imunitário e que contribui para a síntese normal das proteínas. A carne vermelha é uma fonte rica em zinco, mas nem todos os idosos comem este tipo de alimento, por isso, a soja é uma segunda excelente escolha.

Seja através de alimentos ou de suplementos, o importante é ingerir as vitaminas e os minerais de que necessita para passar por esta fase da vida com o melhor reforço possível.